[Resenha] A Sétima Cela, por Kerry Drewery

Vocês estão preparados para um livro que vai tirar o seu fôlego?

Sabe quando você pega o livro, começa a ler e não quer mais parar? Assim foi com A Sétima Cela, da Kerry Drewery. Vocês vão entender o que estou falando …. Vamos conferir?

Image and video hosting by TinyPic

¤ SINOPSE ¤
Martha Heneydew é a primeira adolescente a ser presa e condenada no novo sistema de justiça da Inglaterra. A polícia a encontrou ao lado do corpo de Jackson Paige, filantropo, milionário e uma das celebridades mais queridas do país. Nesse novo sistema de justiça, o condenado tem sete dias ¿ cada dia em uma cela diferente ¿ para ter seu destino determinado pelos votos dos telespectadores. Se a audiência do programa de TV Morte é Justiça decidir pela inocência do preso, ele será solto. Caso contrário, será morto na cadeira elétrica. Porém, algumas peças não se encaixam na história que Martha conta para a justiça. Ela se declara culpada, mas há algo por trás da cena do crime que os telespectadores ainda não sabem. Com a ajuda da consultora psicológica, Eve Stanton, de um juiz do antigo sistema jurídico, Cícero, e do seu grande amor, os sete dias que precedem sua execução serão de muita intensidade, sofrimento, descobertas inesperadas e reviravoltas de perder o fôlego. Quem é, de verdade, Jackson Paige? Martha Heneydew é realmente culpada? Será que esse sistema jurídico é justo? Nesta distopia eletrizante, todas essas questões nos fazem refletir sobre o poder do dinheiro que, muitas vezes, prevalece sobre a justiça. E Martha, uma adolescente forte e destemida, mostra sua crença em uma sociedade verdadeiramente justa, na força da amizade e do amor. Mesmo que isso possa significar sua própria vida.

¤ RESENHA ¤
              A trama inicia quando Martha Heneydew – uma menina de dezesseis anos, forte, decidida e muito convicta dos seus ideais – é encontrada ao lado do corpo Jackson Paige – filantrópico e uma personalidade muito influente no país- com uma arma na mão. Logo de cara a menina se entrega confessando o crime, mas a justiça local é um tanto quanto excêntrica. O país é dividido em Avenidas, onde os ricos vivem e Arranha-Céus, onde os pobres e excluídos vivem. Como o país é dividido em apenas duas classes, não há julgamentos ou juízes. Quem comete crimes e se entregam são colocadas em sete celas durante uma semana, e todo esse processo é acompanhado pelo público através do “Morte é justiça”, um programa que decide o destino dos acusados.
Continuar lendo

[Resenha] Guarde-me Para Sempre, por Halice FRS

Olá leitores!
Hoje é dia de resenha!!! E vamos conhecer um pouco sobre Guarde-me Para Sempre de Halice FRS.

Bom, li essa história e confesso que fiquei diversas vezes em dúvida, se eu gostava ou não do enredo, mas no final a persistência e a virtude de saber esperar me encantaram, provando que às vezes o melhor é mesmo dar tempo ao tempo.

Image and video hosting by TinyPic¤ SINOPSE ¤
Joanne Reeves – decoradora por opção, formada em arquitetura – trabalhava em tempo integral no escritório de seu ex-marido, Gary Brooks. De poucos amigos, considerava Vanessa Brower a melhor. Com ela corria aos domingos no parque e frequentava baladas onde arriscava encontrar um novo amor. Porém, não acontecia.
Joanne era bonita, sim, mas nunca inspirava um segundo olhar.
Com sua conhecida “não-atração” era difícil acreditar que um homem misterioso visto pela primeira vez numa cafeteria de hospital estivesse interessado. O desconhecido sabia seu nome, sabia onde encontrá-la, possuía as mãos mais quentes que alguém poderia ter e desaparecia a um piscar de olhos. E, sim, era atraente, belo no sentido literal da palavra. Para alguém comum e sozinha seria fácil se apaixonar.
Tudo o que Joanne queria era crer, entregar-se, e ser guardada para sempre.

¤ RESENHA ¤
O livro conta a história do Joanne que é uma decoradora que tem um ex marido com quem ela ainda trabalha, mesmo sem nutrir sentimentos de amor e mesmo com todas as traições vinda por parte de Gary (seu ex), ela não consegue se ver livre dele totalmente. Gary sofre um infarto inesperado e fica internado no hospital, seu quadro se agrava e ele entra em coma.

Joanne acompanha o ex, e em uma de suas idas a cafeteria do hospital conhece um belo rapaz misterioso, que a surpreende por saber seu nome. E é aqui que começa a história de Joanne e seu protetor, ela fica curiosa em saber quem é aquele que da mesma forma que surge do nada desaparece de sua vida, mesmo porque nunca despertou interesse a nenhum outro homem a não ser Gary, aquela seria sua chance de tentar ter uma nova vida amorosa.

Keeron é seu “anjo da guarda” que nutri por ela um sentimento além do que deveria, ele adora observá-la, mas o que ele nunca imaginou é que ela pudesse vê-lo novamente algum dia e até mesmo falar com ela, uma vez que quando criança Joanne já o havia visto. Keeron não consegue ficar longe e precisa cumprir sua função de protetor, mas o relacionamento dos dois apesar de serem, digamos de ‘’mundos’’ diferentes vai além da atração.

A história te surpreende, pois dá uma reviravolta incrível, mudando toda a vida dos personagens. Aquele que você acha que é o vilão da história, passa a ser o mocinho e o mocinho se mostra um ser egoísta e manipulador. Até quanto à manipulação serve para justificar o amor? E por quanto tempo o amor verdadeiro pode durar? É isso que você vai descobrir em Guarde-me para Sempre.

– Amor verdadeiro eleva a alma, não perece ao tempo, e sobrevive até mesmo a morte. Por algo tão forte, qualquer sacrifício sempre valerá a pena. Entenda que de um jeito ou de outro, ficaremos juntos eternamente. Não é magnífico? Para nós, nunca existirá um ultimo beijo, Annely.

O livro tem 279 páginas, leitura super fácil, a escritora descreve bem todo enredo. Se você gosta de histórias que misture o real e o sobrenatural esse livro é uma boa pedida.

Boa leitura!!! ♥ 

[Resenha] Moana: A História do Filme Em Quadrinhos

 Olá amantes de quadrinhos
Com certeza todos vocês já conhecem Moana, o novo sucesso da Disney. Tive a oportunidade de nos aventurar nessa história impressionante e recheada de empoderamento! Vamos conhecer?

Image and video hosting by TinyPic

¤ SINOPSE ¤
Há muito, muito tempo, um semideus chamado Maui roubou o coração de Te Fiti, a ilha-mãe, desequilibrando a natureza e espalhando escuridão em toda a Terra. Se, desde então, ninguém deixou a ilha de Motunui e navegou pelo mar, como Moana poderia se aventurar? Ela não sabe velejar, não faz ideia do que há além dos recifes ou nem mesmo onde encontrar Maui! Mas o coração precisa ser restaurado a qualquer custo, e o oceano escolheu Moana para fazê-lo. Será que ela vai provar que o oceano está certo?

 

Continuar lendo

[Parceria] Editora Alicanto

Image and video hosting by TinyPic

Oi geeeente! 
É com muita felicidade e muita satisfação que temos o prazer de anunciar que somos PARCEIROS da Editora Alicanto, uma editora nova, mas que já está prometendo muita coisa boa no mercado. 

Vamos conhecer mais sobre a história da Alicanto?

¤ A EDITORA ¤ 
Editora Alicanto,  uma nova editora com um antigo objetivo ; Publicar bons livros.
              O Alicanto é uma ave mítica do deserto do Atacama que se alimenta de ouro. Não poderia ser outro nosso nome, já que o alimento da Editora Alicanto também é um tesouro precioso; a boa literatura.  E assim são nossos livros, tesouros literários que enriquecem a mente e alimentam a alma.
Continuar lendo

[Resenha] Cilada Para Um Marquês, por Sarah MacLean

1390-20160812175154Título: Cilada para um marquês
Série: Escândalos e Canalhas, 1
Autora: Sarah MacLean
Editora: Gutenberg, 2016
319 páginas

*Sinopse*
Sophie Talbot é conhecida pela Sociedade como uma das Irmãs Perigosas – mulheres Talbot que fazem de tudo para se arranjar com algum aristocrata. O apelido chega a ser engraçado, pois se existe algo que Sophie abomina é a aristocracia. Mas parece que mesmo não sendo uma irmã tão perigosa assim, o perigo a persegue por todos os lugares.

Quando a mais “desinteressante” das irmãs Talbot se torna o centro de um escândalo, ela decide que chegou a hora de partir de Londres e voltar para o interior, onde vivia antes de seu pai conquistar um título. Em Mossband, ela pretende abrir sua própria livraria e encontrar Robbie, um jovem que não vê há mais de uma década, mas que jura estar esperando por ela.

No entanto, ao fugir de Londres, seu destino cruza com o de Rei, o Marquês de Eversley e futuro Duque de Lyne, um homem com a fama de dissolver noivados e arruinar as damas da Sociedade. Rei está a caminho de Cumbria para visitar o odioso pai à beira da morte e tomar posse de seu ducado. Tudo o que ele menos precisava era de uma Irmã Perigosa em seu encalço.

O Marquês de Eversley está convicto de que Lady Sophie Talbot invadiu sua carruagem para forçá-lo a se casar com ela e conquistar um título de futura duquesa. Já Sophie tenta provar que não se casaria com ele nem que fosse o último homem da cristandade. Mas e quando o perigo tem olhos verdes, cabelos claros e a língua afiada?

Essa viagem será mais longa do que eles imaginavam…

¤ RESENHA ¤
Bom, minha gente, pra começar tenho que admitir pra vocês que o canalha dessa história empolgante não é tão canalha assim. E vocês vão descobrir o porquê lendo o livro, claro!!! Mas vou deixar que vocês sintam o gostinho do drama com essa resenha.

Lady Sophie Talbot é a irmã mais nova das irmãs Talbot conhecidas como as Irmãs Perigosas que ficam a espreita esperando um momento para arranjar um escândalo e prender algum aristocrata através de um casamento. Isso não passa de um preconceito da Sociedade devido ao fato de que o pai delas, Jack Talbot, o Conde de Wight, ganhou seu título em um jogo de cartas pelas mãos do então príncipe. Jack trabalha com carvão e ganha dinheiro através dos investimentos que os aristocratas fazem. Mas antes de se tornar conde ele já era considerado rico pelos resultados de seu trabalho. Lembrando, galera, que a história se passa em 1833 e a revolução industrial na Inglaterra continua ganhando força desde o fim do século XVIII. Entretanto, a aristocracia vê a família Talbot como alpinistas sociais e mesmo com o título não a consideram iguais em superioridade.

Agora, vocês imaginem estar em uma festa e as pessoas ficarem olhando pra você e fazendo comentários nada educados. Não é uma situação em que eu gostaria de estar assim como Sophie não gostaria. Então, é exatamente em uma festa oferecida pela Condessa de Liverpool que Sophie, considerada a irmã menos interessante, a desdivertida (Criaram até uma palavra para caracterizar ela, viram?), se encontra como personagem principal de um escândalo. Sophie empurra o Conde de Haven, marido de sua irmã mais velha Seraphina, em tanque de peixes por ela ter presenciado uma cena em  que ele desrespeitava a irmã. Entretanto, ela não reparou que todos os convidados estavam observando os seus atos. Aproveitando a oportunidades e o sangue quente, Sophie resolve falar umas verdades literalmente na cara da Sociedade. E foge da festa com o silêncio dos convidados.

Do lado de fora, ela se vê sem opções para voltar pra casa porque seu orgulho não quer que ela volte na carruagem dos pais. Nesse instante de indecisão, um homem desce jogando roupas e um par de botas (uma delas quase bate na cabeça de Sophie) pela janela de um dos cômodos da Mansão Liverpool. Ele para em frente a Sophie e ela reconhece o homem como o Marquês de Eversley, colocando de volta as roupas e as botas. Entretanto, uma das botas está nas mãos de Lady Sophie e ele se demora esperando que ela a devolva para ele. Daí surge uma ideia brilhante pra não dizer louca na cabeça de Sophie: pedir uma carona em sua carruagem ao marquês em troca da bota. Porém, o marquês sabe que ela é uma das Irmãs Perigosas e acha que ela pode estar criando uma cilada para comprometê-lo. Por isso, ele recusa a negociação e vai embora sem uma das botas em direção a sua carruagem.

Sem saída, Sophie se vê desesperada. E situações desesperadas pedem medidas desesperadas. Já que a negociação com o marquês não deu certo, ela tenta negociar com o criado do marquês. Eu já disse que Lady Sophie é boa de papo? Então, ela é muito boa. Sagaz, eu diria. Ela consegue a confiança do criado chamado Matthew com dinheiro e ele dá suas roupas de criado para ela. Acontece isso mesmo que vocês estão pensando. Sophie se disfarça de criado do marquês para que possa ir na carruagem e assim chegar em casa, pegar dinheiro e fugir para o campo para recomeçar sua vida. Para evitar ser descoberta, ela recusa o convite do cocheiro para se sentar lá na frente com ele na boleia e resolve ir na parte de trás da carruagem, em pé no suporte traseiro. Seria perfeito se o plano dela não fosse por água abaixo quando ela descobre que a carruagem não está seguindo em direção a Mayfair onde ela mora.

“Ali atrás, ela não percebeu quando a carruagem chegou ao fim do comprido caminho da Mansão Liverpool e virou à esquerda, em vez de à direita. Ela também não percebeu que a paisagem que passava se tornou mais pastoral. Ela apenas inspirou profundamente várias vezes um ar que seu pai teria chamado de “um belo ar puro”, e se sentiu – pela primeira vez desde que ela e suas irmãs foram empacotadas e transportadas para Londres – muito livre.”

E agora? Qual será o destino da carruagem? O que ela fará quando o marquês descobrir seu disfarce? O que o destino guarda para sua vida?

Como diz Lisa Kleypas: “Eu recomendo qualquer coisa da autora Sarah MacLean”. Eu também. Esse foi o segundo livro da autora que eu li. E gostei muito da escrita dela e dos personagens que ela cria. A diagramação de Cilada para um marquês faz com que a história tenha  um quê de mistério por apresentar uma manchete de jornal na abertura de cada capítulo e fazer com que você fique ansiosa pra descobrir o porquê daquela manchete. Já ansiosa pela publicação do segundo volume da série Escândalos e Canalhas. Mais um romance de época maravilhoso!

Desejo uma boa leitura àqueles e àquelas que se aventurarem nessa história! Vale muito a pena!! 🙂

[Revelação de Capa] Inevitável Destino, por Alissa Nayer

Oiii amores!
A Alissa nos mandou essa capa no sábado, dia 18, e nos disse para divulgar apenas hoje. Então IMAGINEM a minha ansiedade para divulgar essa belezura para vocês!
Mas, CLARO, que antes de tudo vamos conhecer essa história linda!

Para quem não sabe, a escritora Alissa Nayer é parceira do blog e é autora de mais dois livros e um conto muito amorzinho

Image and video hosting by TinyPic

Inevitável Destino – Alissa Nayer
Lançamento: 10 de março!

Image and video hosting by TinyPic

* SINOPSE *
Maurício não é o tipo de homem que acredita em destino, até o momento em que ele vê todo o seu passado personificado na forma de uma mulher: Débora. Alguém a quem ele costumava odiar, mas só por querê-la tanto e ser invisível aos seus olhos.

Um encontro inusitado após vários anos traz a prova de que ele nunca deixou de querê-la, mas junto a esse sentimento, outro entra em jogo: o desejo de se vingar; o desejo de fazê-la sentir o que ele sentiu por sua causa durante tanto tempo. Ele deduz que não será muito difícil, já que, ao vê-la, percebe que a vida se encarregou de uma parte de sua “vingança”.

Contudo, Maurício sente seus planos irem por água abaixo quando aquela paixão há tempos adormecida torna-se ainda mais forte do que ele jamais sentiu, após conhecer profundamente a mulher que Débora se tornou, em vista da adolescente que foi.

O que valerá mais a pena? A satisfação da vingança? Ou simplesmente seguir em frente com a mulher que ele nunca deixou de amar?

QUER VER A CAPA EM ALTA NITIDEZ? 
ABRA ABAIXO!
Continuar lendo

[Resenha] Cabeças de Ferro, por Carol Sabar

Preparados para um romance que envolve um assunto polêmico da vida universitária? Então, vamos lá!

Título: Cabeças de ferro
Autora: Carol Sabar
Editora: Jangada, 2016
303 páginas

Maria Luísa da Silva, a Malu, passou em primeiro lugar para cursar Engenharia de Produção na universidade dos seus sonhos, a UPN (Universidade de Ponto sem Nó), conhecida como a “universidade dos cabeças de ferro” com o vestibular mais concorrido do Brasil.

Em seu primeiro dia, ela chega na universidade ao mesmo tempo ansiosa e preocupada – para não dizer com medo -,  com o trote vexatório (só para constar que abomino esse tipo de trote e não respeito quem o aplica ou o recebe) que está prestes a acontecer e será realizado pelos “veteranos” do cabe25c325a7as2bde2bferrosegundo período do curso de Engenharia de Produção (Pelamor!! Quem considera os alunos do segundo período como veteranos?? Fiquei chocada!!). E para sorte de Malu, quem aplicará o trote nela será um garoto que ela conhece desde pequena e que o considera seu inimigo devido a um mico que a fez sofrer no passado, o próprio Artur Cantisani, lindo e com estilo bad boy, fator que não ajuda a aumentar o ódio da Malu.

Cantisini passou no vestibular em primeiro lugar também um semestre antes de Malu, por isso ele foi designado a passar o trote nela (Tradição do trote). Ele teria que jogar um líquido fedorento, uma mistura de várias substâncias, na cabeça de Malu. Cada veterano possuía uma garrafa para jogar em seu determinado calouro. Entretanto, Cantisani não obedeceu às regras e jogou o líquido destinado a Malu na caloura que se encontrava ao lado dela. E aí que começa toda a confusão.

Antes de continuar com a história, preciso explicar o porquê de Malu estar neste trote mesmo que eu não concorde com a situação. Malu é extremamente orgulhosa, sempre ganhou medalhas na escola por ter as melhores notas e ser considerada a melhor aluna. Para você receber respeito e ser aceita pelos estudantes da UPN, você deve passar pelo trote e assim ser reconhecida pelo “povo”. Desse modo, o orgulho e o medo de ser rejeitada e ignorada por seus pares faz com que Malu enfrente o trote. Cá entre nós, ninguém que está ali ajudou Malu a passar no vestibular, viu o seu esforço nos estudos, então por que ela precisa passar por um trote humilhante para ser reconhecida? Baixa autoestima é o que eu acho como explicação. Só pode!

Voltando, Artur joga o líquido na caloura chamada Mariana que imediatamente começa a ter reações preocupantes a todos.

“Então se ouviu um grito de horror. A japonesa, desesperada, estava com as mãos cheias de mechas de cabelo, que de repente começaram a se desprender de sua cabeça,  um óbvio adverso do líquido que Artur acabara de jogar em cima dela.”

Antes fosse só o cabelo a ser perdido, mas Mariana desaba no chão com dificuldade para respirar e todos ficam surpresos e com medo. Malu, desesperada ao seu lado, grita para que chamem uma ambulância, porém todos fogem menos Artur e o melhor amigo de Malu, Nicolas, que assistia ao trote para dar apoio e aguardar Malu. Ao perceber que Mariana possa estar sofrendo um choque anafilático, de acordo com a declaração de Malu e sua experiência assistindo Discovery, Artur liga para a emergência. Todavia, o caso de Mariana piora quando ela para de respirar. Cantisini age depressa e faz respiração boca a boca na menina para tentar ajudar, o que de fato fez com que Mariana voltasse a respirar e esperar acordada até a chegada da ambulância.

E agora? O que acontece quando um trote vexatório acontece dentro de uma universidade onde, segundo a lei, é proibido a sua realização? O que acontece com os ditos veteranos? O que acontece com Mariana, a pobre menina que aceitou sofrer o trote? Por que Artur jogou o líquido em Mariana e não nela? É um caso a ser resolvido pela polícia, pela universidade? Quem será culpado? Será que todas as garrafas estavam com as mesmas substâncias da garrafa de Artur? Se a garrafa estava destinada a Malu, alguém estava tentando matá-la? Haverá expulsão de algum aluno ou até a mesmo a prisão de alguém? Quem vai pagar pelo que aconteceu a Mariana? Melhor ainda, alguém deveria pagar pelo que aconteceu já que todos os envolvidos estavam errados de alguma forma? Essa última pergunta eu deixo vocês responderem quando terminarem de ler o livro. Quanto às outras perguntas, elas serão todas respondidas ao longo da história. Gostei demaaaaais da escrita e do humor que a autora Carol Sabar utilizou no enredo. Por ser escrito em primeira pessoa, me senti dentro da história e compreendi bem os sentimentos de Malu, Artur e Nicolas.

Ao mesmo tempo em que o livro serve para nos entreter, ele também nos faz pensar sobre as atitudes que tomamos no dia a dia que parecem inofensivas, mas que podem afetar de um modo ruim o sentimento ou até mesmo a vida de outra pessoa. Devemos sempre pensar nas consequências de nossos atos quando eles atingem outras pessoas.

Super recomendo mas esperava um final clichê que não ocorreu. Foi bom e ruim! Kkkk

Obs.: Cabeças de Ferro = Crânio de Ferro = C* de ferro, entendedores entenderão! J

[Amazon] eBooks Gratuitos HOJE

Image and video hosting by TinyPic

• Cartas Para um Pai (Janaina Rico)http://amzn.to/2mbTcPe
• Momento (Alec Silva)http://amzn.to/2lw9wxf
• O Encontro dos Anjos (S. S. Days)http://amzn.to/2mbPoNT
• Box: Série East Valley (Deisy Monteiro)http://amzn.to/2mbIg4i
• Rockfeller (Alexandre Apolca)http://amzn.to/2mbUYA1
• Duas Vidas (LF Freitas)http://amzn.to/2lySRtz
• Verão, Mar, Amor! (Thais Turesso)http://amzn.to/2lyShvJ
• Sedução: Harlequin Flor da Pele (Tawny Weber)http://amzn.to/2lXtsdA
• Sejamos Todos Feministas (Chimamanda Ngozi Adichie)http://amzn.to/2lyyoEU
• Marvel’s Jessica Jones #1 (Brian Bendis)http://amzn.to/2mbYUR4
• Eternamente Você: Desejo proibido (Sophie Jackson)http://amzn.to/2mbYZUS
• A Mariposa no Espelho: O lado mais sombrio (A. G. Howard)http://amzn.to/2lwmdIu