[Resenha] Revolução Moral, por Kris Valloton e Jason Valloton

Olá gente
Hoje temos um livro que com certeza foi um desafio o tanto quanto difícil para ler, por ser um livro cheio de questões e preceitos que eu não concordo, mas eu consegui terminá-lo. Quer conferir o que achei?

Image and video hosting by TinyPic» SINOPSE «
A inocência da pureza sexual tem sido pervertida pelo mundo e sabotada pelos fariseus religiosos. Ao longo do tempo, o ataque dos predadores sexuais e pornográficos tem distorcido a mentalidade desta geração. Pessoas em todos os lugares estão lutando para se libertar desta terrível prisão. Revolução Moral é mais que um livro, é um manifesto que irá reescrever os para os paradigmas sexuais do nosso tempo e libertará o planeta para comemorar a virgindade, assim como a aliança de amor. Este livro mexerá com você!


» RESENHA «

No livro “Revolução Moral”, escrito por Kris Valloton e Jason Valloton, muitos assuntos sobre a sexualidade, o sexo e o casamento são colocados para jovens cristãos que têm dúvidas a respeito. O objetivo do livro é mostrar como seguir os ensinamentos da evangelização e como manter a pureza mediante um mundo tentador e de perversidades.

O que mais me surpreendeu foi como o autor detalhar cada parte da relação sexual, desde os órgãos genitais até o ponto de prazer. Eu realmente me senti incomodada com essa leitura e com certeza deveria ter uma faixa etária definida para que pudesse ser uma leitura direcionada, já que a escrita é tão detalhada e não é nada do que eu tenho costume de ler.

“Nosso comportamento flui da visão que temos de nós mesmos. ”

Ter a revolução moral como uma “fôrma” para moldar as atitudes e os pensamentos de uma pessoa de acordo com a igreja é completamente compreensível quando você faz parte dessa doutrina, mas como eu tenho minha crença, não concordo que seja bem assim, mas aí é de cada um, né? Infelizmente teve partes do livro que eu não curti de jeito algum, como a parte em que diz “fazer sexo com alguém do mesmo sexo é perversão”. Para mim os sentimentos, amor ou desejo por alguém é algo tão bonito, que não importa se é entre duas mulheres ou dois homens, mas temos que respeitar o que as religiões pregam.

Com certeza este livro tem pontos bastantes relevantes para que jovens possam saber mais sobre o sexo, mas acredito que se não colocassem tanto o ato sexual como “pecado” se não fosse praticado apenas após o casamento, os jovens se sentiriam mais à vontade em falar deste assunto com os pais, e criasse um diálogo melhor com os familiares. E, tendo as folhas brancas, isso também acabou dificultando a leitura, já que as páginas amarelas são bem mais confortáveis.

Avaliação: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ 2/5

Postado por: Paulinha C.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s