[Especial Bienal] Resenha: A Garota no Trem, por Paula Hawkins

rge

Olá leitores
Vocês viram que nossa primeira autora do Especial Bienal foi a Paula Hawkins (Clique AQUI e confira). E, para continuarmos a programação, hoje é dia de RESENHA para vocês, leitores!

Espero que vocês fiquem tão facinados quanto eu!

Image and video hosting by TinyPic SINOPSE 
Todas as manhãs Rachel pega o trem das 8h04 de Ashbury para Londres. O arrastar trepidante pelos trilhos faz parte de sua rotina. O percurso, que ela conhece de cor, é um hipnotizante passeio de galpões, caixas d’água, pontes e aconchegantes casas. Em determinado trecho, o trem para no sinal vermelho. E é de lá que Rachel observa diariamente a casa de número 15. Obcecada com seus belos habitantes – a quem chama de Jess e Jason –, Rachel é capaz de descrever o que imagina ser a vida perfeita do jovem casal. Até testemunhar uma cena chocante, segundos antes de o trem dar um solavanco e seguir viagem. Poucos dias depois, ela descobre que Jess – na verdade Megan – está desaparecida.
Sem conseguir se manter alheia à situação, ela vai à polícia e conta o que viu. E acaba não só participando diretamente do desenrolar dos acontecimentos, mas também da vida de todos os envolvidos. 

 


RESENHA  
Antes de tudo tenho algo a falar: QUE SINOPSE MARAVILHOSA! Eu não vi ninguém na história desse blog – nos nossos quase 3 aninhos – que não ficasse de cara no chão com essa sinopse, e graças a Deus conosco foi assim também.

No livro “A Garota no Trem” nos deparamos com Rachel, uma mulher completamente despedaçada, arrasada e destroçada. Após um caso de traição, o seu mundo desabou, assim como seu emprego, sua saúde e sua casa. O término com Tom mudou completamente a sua vida, fazendo-a se mudar para a casa de uma amiga. E, para fingir que tudo está perfeito, ela continua fazendo seu caminho para o antigo trabalho – pegando o trem de 8h04, voltando às 17h56, por medo de admitir para a amiga o total fracasso da sua vida.

Continuar lendo

Anúncios

[Resenha] Casada Até Quarta, por Catherine Bybee

Olá, leitores lindxs!!
Venho hoje apresentar a resenha de um lançamento do mês passado da Verus editora: o primeiro livro da série Noivas da semana, Casada até quarta. Ganhei esse livro de uma amiga de clube do livro e amei!! Considerei o livro um clichê, mas que pode te surpreender quando você menos espera.

WP_20170711_001 (2)

Título: Casada até quarta-feira
Autor: Catherine Bybee
Editora: Verus, 2017
Série: Noivas da Semana, 1
196 páginas

*Sinopse*

“O contrato de casamento deles previa tudo… menos se apaixonar. O primeiro livro da série Noivas da Semana

Blake Harrison: rico, nobre, charmoso… e precisando de uma esposa até quarta-feira. Para isso, Blake recorre a Sam Elliot, que não é o homem de negócios que ele esperava. Em vez disso, ele encontra Samantha Elliot, linda e exuberante, com a voz mais sexy que ele já ouviu.

Samantha Elliot: dona da agência de casamentos Alliance, ela não está no menu de pretendentes… até Blake lhe oferecer milhões de dólares por um contrato de um ano. Não há nada de indecente na proposta dele, e além disso o dinheiro vai ser muito útil para quitar as contas médicas da família dela. Samantha só precisa disfarçar a atração que sente por seu novo marido e evitar a todo custo a cama dele. 

Mas os beijos ardentes de Blake e seu charme inegável se provam muito difíceis de resistir. Era um contrato de casamento que previa tudo… menos se apaixonar. Agora só resta a Samantha proteger seu coração até que o contrato chegue ao fim.”

Resenha

O próprio título do livro já nos apresenta uma ideia da história. Quem nunca leu um romance assim? A pessoa PRECISA se casar por causa da família ou trabalho ou por dinheiro mesmo. Neste livro, Catherine Bybee nos mostra a história nem tão romântica de Samantha Elliot e Blake Harrison.

Sam é dona da Alliance, uma empresa que oferecia o serviço de acompanhantes. Tendo em vista que Blake precisa de uma noiva urgentemente, ele marca uma entrevista com Sam, imaginando que Sam seria um homem. Olha o machismo querendo reinar aí. Kkkkk. Depois que os dois se encontram para conversar, Blake explica sua situação: precisa se casar antes de completar 36 anos de acordo com o testamento de seu falecido pai, que nada mais nada menos era um duque. Para que a herança não vá para seu primo, ele deve realizar o que está escrito no testamento. Então faltando pouco tempo para completar a idade requerida, Blake se encontra desesperado por um acordo que beneficie tanto ele quanto sua futura esposa por um ano.

Continuar lendo

[Resenha] Inversos, por Carol Dias

HOJE É DIA DE RESENHA!

Olá leitores
Em parceria com a escritora Carol Dias, tivemos o prazer de ler o seu novo livro “Inversos“. Para quem não sabe, este livro é parte da coleção de Clichê, seu primeiro livro – vocês podem conferir a resenha clicando AQUI

Quer conferir o que achamos deste livro?

Image and video hosting by TinyPic

Título: Inversos (Clichê #02)
Autor(a): Carol Dias 
Gênero: Chick-lit – Romance
Editora: Ler Editorial
Páginas: 214 
Compre o livro: AMAZON | LOJA VIRTUAL 

Adicione a sua estante: SKOOB
Avaliação:

SINOPSE 
Como assistente pessoal de Carter Manning, Bruna sabia exatamente o que esperar do cantor: música, mulheres e um pouco de (muita) arrogância. Seria preciso uma interferência do universo para que ele se mostrasse alguém decente.
E não é que o universo resolveu agir?!
As pequenas, Sam e Soph, serão a prova final de Carter, para mostrar que mesmo o cara mais idiota, possui algo além de uma camada de egocentrismo.

RESENHA 
Em Clichê nós conhecemos Killian Manning e Marina Duarte e em Inversos nós passamos a conhecer Bruna Campello, uma mulher brasileira que trabalha como assistente pessoal de Carter Manning, um mulherengo, problemático que só faz m*** e sabe que sua assistente vai cobrir tudo por ele.

Como sempre Carter está se metendo em problemas, Bruna acaba ficando sempre ao lado dele para tudo e para evitar com que ele faça mais besteiras, então ela começa a sentir “o meteoro da paixão” e só quer fazer tudo certo para estar junto com ele. Quando ela imagina que todos os problemas estavam controlados, eis que duas menininhas são deixadas em frente a mansão de Carter, em Los Angeles. Junto com uma carta, o remetente afirma que as duas meninas Soph e Sam, de 3 anos, são filhas do popstar. 

“Ele tem dias que é um babaca e dias em que é um amorzinho. Se o seu ídolo for o Carter, os dias em que queremos matá-lo são maioria, vale avisar.”

Continuar lendo

[Resenha] Love Is In The Air, por Eva Zooks, Tamires Barcellos, Catarina Muniz e Paola Scott

Hoje é dia de RESENHA!

Olá leitores
Em parceria com a Ler Editorial, recebemos o livro Love Is In The Air, uma antologia de contos amados que se passam em Londres, e escrito por ninguém menos do que Eva Zooks, Tamires Barcellos, Catarina Muniz e Paola Scott

Vamos conferir o que achamos?

Image and video hosting by TinyPic SINOPSE 
Ah, o Amor! As dificuldades, os calafrios, os encontros inesperados, os pensamentos loucos…
Nos quatro contos de Love is in the air você vai conhecer lindas histórias, românticas e quentes, sobre esse sentimento cheio de altos e baixos. 
Com prefácio escrito por Nana Pauvolih, as autoras: Eva Zooks, Tamires Barcellos, Catarina Muniz e Paola Scott apresentam contos ambientados em Londres — a terra da Rainha, do chá e de cenários incríveis — para você se apaixonar como nunca antes.

Adicione a sua estante – SKOOB


RESENHA

O primeiro conto Lembranças de um outono em Londres é da escritora Eva Zooks, e logo conhecemos Edmond, um soldado que passa o ano inteiro em serviço, e apenas veja sua amada Gabriela uma vez por ano. E, essa distância acaba gerando um acúmulo de saudade e desejo que se transformam em uma explosão de prazer a cada encontro. Mas, o que o leitor consegue se surpreender é que, muitos segredos acabam sendo revelados, independente da distância.

A Eva conseguiu trazer uma profundidade que vai além do hot, e nos faz entrar na história com uma intensidade incrível, como se estivemos lendo um livro completo.

“- Ainda não me acostumei com você ou me decidi se fiquei louco de vez. ”

O segundo conto “Sussurros do Coração” da querida escritora Tamires Barcellos, nos deparamos com Samantha Campbell, uma apaixonada por livros que ia sempre à biblioteca, até que, em uma de suas vindas ela acaba sendo atropelada, mas eis que Henry Scott, o novo morador da vizinhança, a salva. Como Samantha é de uma família bastante conservadora, seus pais e os vizinhos o veem como “exótico” por ter tatuagens, mas elas são nada menos do que uma capa que o protege de um passado com muita tristeza e lembranças ruins. A busca dos jovens por liberdade os unem e eles conseguem encontrar nas suas dores, a força para um amor muito forte e apaixonado.

Continuar lendo

[Resenha] Amor Para Um Escocês, por Sarah MacLean

1461-20170320145509Título: Amor para um escocês
Série: Escândalos e Canalhas, 2
Autor: Sarah MacLean
Editora: Gutenberg, 2017
302 páginas

*SINOPSE*
Lillian Hargrove viveu sozinha por anos, reclusa, ansiando por amor e companhia. Desiludida de que todos os seus sonhos pudessem um dia se tornar realidade, a mais bela jovem da Inglaterra se envolve com um artista libertino e mentiroso, que promete amá-la para sempre e implora para que ela pose como sua musa para um escandaloso retrato.

Encantada pelo carinho e pela admiração que recebe dele, Lily aceita a proposta e se entrega de corpo e alma ao homem mais falso de Londres, mas fica exposta para toda a Sociedade, tornando-se motivo de piada e vergonha.

A jovem, entretanto, não esperava que um bruto escocês, recentemente intitulado Duque de Warnick e nomeado seu guardião, atravessasse a fronteira da Inglaterra para impedir que a ruína a alcançasse.
Warnick chega em Londres com um único objetivo: casar sua protegida – que é bonita demais –, transferindo o problema para outra pessoa, e, em seguida, voltar à sua vida tranquila na Escócia, longe daquele lugar odioso que é Londres.

O plano parece perfeito, até Lily declarar que só se casaria por amor, e o duque escocês perceber que, aparentemente, há algo naquele país que ele realmente gosta…

Olá, pessoal!

Hoje venho apresentar a vocês o segundo livro da série Escândalos e Canalhas de uma das minhas autoras favoritas do gênero Romance de Época, Sarah MacLean.

O bom da série é que são livros independentes. O único spoiler que vocês podem encontrar é descobrir quem forma o casal do livro anterior, o que não considero spoiler, mas tenho amigas que me matam se eu conto (risos).

A história de Amor para um escocês já começa com uma frase arrebatadora: “Se você quer um romance, peça-o a um escocês.” Fiquei como?? Desesperada pra terminar o livro porque já queria chegar na parte em que o personagem Alec Stuart, o escocês, falaria isso para Lilian Hargrove, nossa querida Lily (risos).

Mas como a vida desses dois vai se cruzar ao longo da história? Simples assim: Alec está em sua casa na Escócia quando recebe uma visita de um advogado chamado Bernard Settlesworth informando-o de que Alec agora é o dono do Ducado de Warnick, tornando-se duque. Depois da morte de 17 herdeiros deste ducado, o título cai nas mãos de Alec.

Continuar lendo

[Resenha] Deixe-me Te Mostrar, por Alissa Nayer

Olá leitores
Hoje temos resenha desse conto lindo da nossa parceira Alissa Nayer e lido pela fofa Nathália Farias, uma leitora muito querida! E, eu espero que vocês gostem e também comprem esta obra linda da Alissa. 

Image and video hosting by TinyPic SINOPSE
“O que diabos há de errado comigo?”
Essa é a pergunta que ronda a mente de Marissa desde que seu último namorado a dispensou sem um motivo convincente, embora ela desconfie do real porquê de mais um pé na bunda. Cansada de tantas experiências frustradas entre uma bebida saturada de açúcar e outra, ela não imagina que encontrará o que deseja onde, quando e com quem ela menos espera.

Compre na Amazon – AQUI

 

 

RESENHA 
Marissa é uma mulher engraçada, viciada em café e livros e está completamente puta com seu namorado que deu a famosa desculpa esfarrapada “não é você, sou eu” para terminar o namoro. O problema é que Marissa acredita que o problema é ela por não conseguir ter um orgasmo e se sentir frígida na cama.

No dia que ela estava remoendo o término de seu namoro em sua cafeteria preferida, Marissa reencontra Ethan, o irmão de sua melhor amiga Emily com quem divide o apartamento junto com sua outra melhor amiga, Lauren. Ethan e Marissa sempre se deram bem, embora nunca fossem próximos e ela fica feliz quando ele anuncia que irá voltar a morar na cidade.

Continuar lendo

[Resenha] Blasfêmia, por Pathy dos Reis & Maria Carolina Passos

HOJE É DIA DE RESENHA!

Olá leitores ♥
Em parceria com a Editora LeYa, nós tivemos o prazer de ler e resenhar Blasfêmia, das escritoras nacionais Pathy dos Reis e Maria Carolina Passos. Vocês vão conseguir entrar no mundo do suspense, do mistério e descobrir conosco tudo sobre Claire, e todos os mistérios que assombram a cidade de Salinas.

Image and video hosting by TinyPicTítulo: Blasfêmia
Autoras: Maria Carolina Passos e Pathy dos Reis
Editora/Ano: LeYa – 2015
Número de páginas: 272
Gênero: Mistério / Suspense
Compre o livro: Amazon │ Saraiva
Nota: EstrelaEstrelaEstrelaEstrelaestrela vazia


♦ SINOPSE ♦
Recém-divorciada e sem emprego, Claire decide aceitar o convite do amigo de infância para trabalhar na redação do pequeno jornal de Salina, cidade natal que não visitava há muitos anos. Ainda na estrada, contudo, uma notícia no rádio a pega de surpresa: um rapaz de apenas 17 anos é encontrado morto em Salina, e uma informação sobre seu estado traz à tona lembranças do assassinato do irmão de Claire. Ocorrido há mais de uma década, o caso não solucionado marcou a população local para sempre. O locutor da rádio tossiu algumas vezes. Começou a desculpar-se pela pausa na programação, como que buscando um tom adequado de voz para prosseguir. A coisa toda soava tão esquisita, que Claire tentava adivinhar se ele se preparava para remediar o descuido ou anunciar o fim do mundo. Enfim, com uma formalidade afetada, ele começou: “AKSKO 100,8 FM, sua rádio de confiança, lamenta a morte do jovem James Christensen, que, com apenas 17 anos, foi vítima de um brutal assassinato, como há mais de dez anos não se via em Salina. Seu corpo foi encontrado na manhã de hoje, abandonado na encosta do morro vermelho, ao lado do cemitério municipal. Uma testemunha anônima, que verificou a cena antes de a polícia chegar, revelou que o cadáver estava com o dedão de um dos pés decepado, que foi deixado no chão mais à frente. 


♦RESENHA ♦

Em “Blasfêmia” conhecemos a Claire, uma mulher recém-divorciada que, a convite de um grande amigo de infância, volta para a sua cidade natal para trabalhar na redação de um jornal local. Mas não é apenas um “de volta para a sua terra”. A sua volta causa muito desconforto para ela e para os habitantes do local que são mórmons, muito conservadores e religiosos, pois muitas lembranças voltam à tona.

Feliz aquele que pegar em teus filhos e der com eles nas pedras

(Salmos 137:9)

Continuar lendo

[Resenha] Brilho do Sol, por Roseli Magro

Olá leitores
Vocês conhecem o livro Brilho do Sol, da escritora Roseli Magro?

Este foi o primeiro livro que recebemos em parceria com a Editora Xeque-Matte e com certeza é uma das editoras com maior potencial de crescer na indústria editorial no Brasil, então estamos muito felizes com esta parceria linda!

Vamos conhecer mais sobre Brilho de Sol e conferir a resenha?

Brilho do Sol
Autora: Roseli Magro
Páginas: 160
Ano: 2016

 SINOPSE 
Brilho do Sol é o nome de uma cidadezinha nordestina onde acontece a história de João, um menino de oito anos, que mudou a história do sertão de tal forma que nunca mais esse lugar voltará a ser o mesmo. No livro a fome existe, é fato, e ela dói, mas é fato também que o amor existe e ele é a estrutura para a felicidade. O amor ou a falta dele se materializam no bem contra o mal, uma constante luta durante toda a narrativa. Qual vencerá?

Compre o livro: Loja Virtual Xeque-Matte
Adicione no Skoob: AQUI


 RESENHA 

Em “Brilho do Sol” conhecemos Ana e Teovaldo, um casal que mora numa cidade no sertão nordestino chamado Brilho do Sol. Como muitas das realidades brasileiras, a vida desse casal é muito difícil, pois não há comida suficiente e eles passam fome, e vivem na pobreza. E, no meio de tanta tristeza, uma razão para sorrir os fazem esquecer toda a realidade: a gravidez de Ana.

Continuar lendo